Translate my blog

English French German Spain Italian Dutch
Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
By Ferramentas Blog

sábado, 15 de setembro de 2007

Não fosse suas pernas.


Não fosse suas pernas....

Não fosse suas pernas.
Lisas e escorregadias como o gelo!
Brancas, amarronzadas levemente, sem manchas.
De um volume ideal ao meu gosto e ao meu zelo.

Não fosse suas pernas.
Não teria me perdido tanto na vida!
Seguiria meu caminho correto sem errar,
E essa obsessão não iria jamais minh’alma desterrar.

Não fosse suas pernas.
Não seria hoje prisioneiro do passado!
A ter saudades de longe ao tempo que tão belas seduziam,
Chorar hoje pelos seus rios que a desenham e que antes não se viam...........

Eduardo da Silva.

Um comentário:

Darlene disse...

Que triste...